top of page

ATITUDES

ATITUDES

O comportamento humano está moldado a valores pessoais e sociais, que interagem entre si, nos tornando quem somos. Quase sempre fazemos aquilo que queremos, porém viver em sociedade nos limita das condições que precisamos, para estarmos livres para atuar como queremos, e essas ações andam em um paralelo com nossos desejos. A motivação voluntária traz consigo reações de prazer, somadas a êxtases, atingindo nossas emoções, nosso corpo. São fatores físicos, atingidos por somatização, pelos sentimentos envolvidos nas conquistas, ou nas derrotas. Somos afetados por fenômenos involuntários, indiretos, pelas nossas escolhas. Há um grande conflito de interesses nos resultados colhidos, pois vivemos em sociedade, e essa nos cobra ética e moralidade na conduta. Ao olhar para nosso EU INTERIOR e vermos que somos apenas resultado de cada escolha, de nossas ATITUDES, isso gera uma  noção de instabilidade não programada, e que de forma automática mexe com nosso humor e estado de ânimo. Surge um circulo vicioso de conceitos e ações, que nutrem nosso tempo de forma insatisfatória, e que em grau avançado e velocidade acima da capacidade cerebral, nos confunde e perdemos o nosso rumo, chegando a ficar, como comumente se fala, ‘sem chão’. Aí é que começam os problemas diversos, nomeados pela ciência como síndromes emocionais. Traumas, conflito interior e culpa. O passo principal para solucionar esse problema, em um desses momentos de nossa vida, pode ser a FÉ em Deus, pela religião ou não, a meditação e sem dúvida,  reencontrar-se, para iniciar o ciclo novamente e seguir. Temos que ter cuidados com o como vivemos, como alimentamos nossa mente, em que, ou quem  acreditamos. Voltar para dentro de si, eliminando esses sentimentos indiretos, paradigmas, crenças e dogmas, que nos trouxeram a essa condição, que ninguém busca e quer para si, porém em muitos casos  são inevitáveis em nossas vidas. Vale lembrar que a família tem um papel fundamental nessas ideologias impostas, e temos que estar atentos às dependências emocionais criadas. Somos livres e em cada relação que vivemos temos que estar atentos, observar mais,  ver a fundo cada intenção, cada conselho, cada conversa que participamos. Somos individuais, e devemos ter equilíbrio até mesmo na expressão do Amor e de sentimentos positivos. O sentir é muito importante nesse momento, e a intuição a arma para proteção contra ataques psicológicos. Nossa ATITUDE é tanto para nós como para o próximo, a arma secreta da Felicidade. Como sempre digo, até mesmo quem mata e rouba busca a Felicidade, porém os resultados cármicos são inevitáveis. Por isso, observemos de que lado estamos nesse processo, réu ou vitima. Nossa responsabilidade social e humana faz toda a diferença. Basta-nos estarmos atentos, para assim, mudarmos o rumo da história de nossas vidas ou da vida do próximo. No que depender de nós, de nossas ATITUDES, façamos a nossa parte.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

AMOR

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page